sexta-feira, 20 de abril de 2012

NATURA - Os Alunos da nossa extensão realizam visita técnica em 19.04



Queremos agradecer a Secretaria da Educação de Arujá de ter nos proporcionado um dia tão maravilhoso e aquisição de grandes conhecimentos aos nossos alunos.



A visita a Natura vem de encontro a assuntos desenvolvidos em sala de aula que em algumas ocasiões os alunos não conseguem visualizar por falta de experiência profissional e que nossos professores transmitem de forma tão clara através de apresentações visuais em sala de aula.

Puderam aprender na prática a linha de fabricação, montagem, expedição e despacho, sem contar da parte da responsabilidade social desenvolvido pela empresa dentro e fora da sua unidade.

Com certeza o dia 19.04 está marcado no currículo de nossos alunos e isso só é possível quando encontramos profissionais comprometidos com a Educação, Sra. Professora Maria Goretti - Secretária da Educação de Arujá e o Sr. Pedro Bento Diretor de Departamento e Assessoria de Gabinete.

Obrigada,
Profa. Rose Mendonça
ETEC Dra Maria Augusta Saraiva - EMEF Sidônia Nasser do Prado - Arujá





                                                         





Saiba um pouco da história da Natura:





Natura: compromisso com o futuro



Trajetória da empresa é marcada pela busca permanente da inovação e guiada pelos princípios da sustentabilidade


Com quatro décadas de existência, a Natura alcançou uma posição privilegiada. É hoje um dos maiores fabricantes brasileiros de cosméticos, produtos de higiene e de perfumaria e, principalmente, reconhecida pelo seu comprometimento com a qualidade dos produtos e serviços que desenvolve, produz e comercializa e com a qualidade das relações que mantém com seus diferentes públicos.


Uma pequena loja e um laboratório inaugurados em 1969, em São Paulo, deram origem a um complexo industrial e a uma força de vendas formada, ao final de 2008, por 850 mil revendedoras autônomas (as Consultoras Natura), tanto no Brasil como no exterior.


Toda essa trajetória reflete uma constante expansão expressa, em 2008, por uma receita bruta de R$ 4,9 bilhões. Atualmente, as operações da Natura estão concentradas no Espaço Natura, nomunicípio de Cajamar, região próxima a São Paulo. Inaugurado em 2001, o local é um centro integrado de pesquisa, produção e logística e um dos maiores e mais modernos do gênero na América Latina
Além do Espaço Natura, a empresa mantém uma unidade comercial e de distribuição em Itapecerica da Serra, no Estado de São Paulo, em Uberlândia e Matias Barbosa, em Minas Gerais, na capital do Estado de Pernambuco, Recife e em Canoas, na região metropolitana de Porto Alegre.

Desde meados dos anos 90, a Natura busca aprimorar a governança corporativa. Esse processo teve como marco a abertura de capital, realizada em 2004, quando passou a integrar o Novo Mercado da Bovespa, assumindo o compromisso de adotar práticas mais rígidas do que as exigidas pela legislação. Em 2005, como reconhecimento ao compromisso que a empresa tem com a sustentabilidade, as ações da Natura foram incluídas no Índice de Sustentabilidade Empresarial (ISE), da Bolsa de Valores de São Paulo (Bovespa), cuja finalidade é reconhecer as companhias com os melhores desempenhos em todas as dimensões da atuação empresarial.

Internacionalização
A boa aceitação da marca e o crescimento do canal de venda direta estimulam a Natura a continuar investindo na expansão das operações de venda na Argentina, no Chile, no Peru, no México e, mais recentemente, na Venezuela e na Colômbia. Na Bolívia, a marca está presente por intermédio de um distribuidor.

Além da ampliação das atividades na América Latina, a empresa segue no mercado europeu desde 2005, com a inauguração da Casa Natura – primeira loja mundial, em Paris, França, no bairro de Saint-Germain-des-Près.

A opção por este modelo de venda na Europa deve-se à decisão de reforçar a marca por meio de uma flagship store. Em outubro de 2006, a Natura amplia sua atuação iniciando as operações de venda direta em Paris e arredores.

Para apoiar o processo de inovação e desenvolvimento de produtos, também inaugurou um novo laboratório de pesquisas na capital francesa. A expectativa é que o Centro Satélite de Pesquisa e Tecnologia na França aproxime a Natura dos principais centros de desenvolvimento do mundo. Neste laboratório são aprofundadas as pesquisas nas áreas de testes in vitro, alternativa aos testes em animais, e os estudos de segurança e eficácia de ativos, tratamento de pele e novos materiais de embalagens.

Duas paixões
Desde sua origem modesta, a Natura sempre se inspirou em duas paixões fundamentais: a cosmética, como veículo de autoconhecimento e de transformação na vida das pessoas, e as relações humanas, como grande expressão da vida.

Um marco na história da Natura foi a opção, ainda em 1974, pelo sistema de venda direta. Surgiram assim as Consultoras Natura, revendedoras autônomas que compram e revendem os produtos da marca, participantes de um sistema vitorioso no Brasil e nos outros países nos quais já mantemos operações.

As Consultoras, principal elo da Natura com o consumidor final, são um público muito especial, com o qual mantém um relacionamento próximo, por meio de cursos e oficinas de capacitação e de um amplo sistema de comunicação. Afinal, elas são a linha de frente com nossos consumidores finais e as responsáveis por disseminar o conceito do Bem Estar Bem, além do engajamento em causas sociais e ambientais. Em 2008, a Natura distribuiu R$ 2,023 bilhões em riqueza para as suas Consultoras. 

Fonte: 
   http://natura.comunique-se.com.br/natura_si/show.aspx?id_materia=9338